Chuvas deixam municípios em alerta 

Durante o final do mês de fevereiro e início de março, municípios que integram a AMATCarajás, estão em situação de alerta, em virtude das fortes chuvas que estão provocando destruições de estradas, derrubadas de pontes, alagamentos e enchentes.

 

Na última segunda-feira (4), trechos da PA-279, no sentido de Água Azul do Norte, na entrada de Xinguara, sudeste do Pará, se romperam em decorrência das fortes chuvas. Com o ocorrido, os prefeitos associados à AMATCarajás, fizeram contato com o presidente da entidade, Wagne Machado, o qual solicitou junto ao Secretário de Estado de Transportes, Pádua Andrade, para que fosse encaminhada uma equipe para manutenção.

 

Os trabalhos envolveram a recomposição do aterro e dos tubos de drenagem entre as duas cidades, e o fechamento da cratera que se abriu na rodovia, que chegou a 8 metros de comprimento por 5 metros de largura e ter uma profundidade de 4 metros. O trânsito nas duas faixas da rodovia já foi restabelecido, e até esta sexta-feira (8), será feita a recomposição do asfalto no trecho da PA-279.

 

O presidente da AMAT, Wagne Machado, ressaltou que têm realizado diálogos diretos com o governador Helder Barbalho, e com secretários estaduais em busca de soluções para problemas comuns que estão sendo enfrentados pelos municípios. O presidente sugeriu que seja realizada, em Marabá, uma reunião com todos os prefeitos que integram a entidade para tratar de ações e formular medidas em conjunto, visando buscar apoio junto às defesas cíveis dos governos Federal e Estadual.

 

Em Parauapebas, ao menos seis bairros já possuem alagamentos. Segundo a Defesa Civil, 18 pessoas estão desabrigadas e 79 desalojadas, após o nível do rio Parauapebas registrar nível de 10,4 metros - quatro metros acima do considerado normal. Outro aumento de nível foi registrado no igarapé Ilha do Coco, que corta o centro da cidade.

 

Em Tucumã, as aulas nas escolas da Zona Rural estão suspensas devido ao transbordamento de rios e alagamento em diversas localidades do município, de acordo com o secretário de educação, Aguinaldo Dias, a medida visa garantir a segurança dos estudantes que utilizam o transporte escolar para se deslocar até as escolas na zona rural. 

 

Em Marabá, o nível do rio também está subindo e o município já está em situação de alerta, segundo a Defesa Civil. Um hidrômetro aponta nível de 8 metros do volume de água. A Defesa Civil solicitou nesta quarta-feira (6) a confecção de abrigos nas localidades determinadas como alojamentos de desabrigados, de modo que seja tratado como prevenção.

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon

BELÉM

 

End.: Av. Conselheiro Furtado, 1440. Bairro Batista Campos.

CEP: 66.035-350 – Belém / PA

Fone: (91) 4006-2350 / (91) 4006-2351

Email: amatcarajas@amatcarajas.org.br

MARABÁ

 

End.: Av. VP8 – Folha 26 – Quadra 14 – Lote 01 - Edifício Amazon Center Sala 605/606 – 6º andar.

CEP: 68.504-120 – Nova Marabá

Fone: (94) 3322-1957

Email: maraba@amatcarajas.org.br

BRASÍLIA

 

End.: Setor Rádio TV Sul

Edifício: Centro Empresarial Brasília
Bloco B, Sala 425
CEP: 70.340-907 / Brasília - DF
Fones: (61) 3225-0461/ (61) 3226-1121
E-mail: brasilia@amatcarajas.org.br

Desenvolvido por Levant Consultoria de Marketing

www.levantmkt.com