Campanha Maio Amarelo reforça a importância da proteção à vida

Em: 01/06/2020

 

Nesta segunda-feira (1º), será retomada gradativamente as atividades econômicas que estavam suspensas no Pará desde o início da pandemia do novo Coronavírus.  As ações foram apresentadas pelo Governador Helder Barbalho, na última sexta-feira (29), através de uma coletiva de imprensa online.

 

Os protocolos que serão implementados para garantir a segura da reabertura das atividades foram instituídos através do Projeto RetomaPará publicado no Diário Oficial do Estado (DOE) do último domingo (31), e, semanalmente, o Governo do Pará irá divulgar o andamento das ações.

 

As medidas adotadas serão norteadas através da classificação das zonas de riscos que caracterizam o nível de contaminação pelo novo Coranavírus nas regiões regulamentadas do Estado.

 

De acordo com o plano baseado nas zonas de risco de cada região, ficou estabelecido na última sexta-feira (29) que as regiões que apresentam risco médio e tem capacidade de retomar as atividades. São elas: Região Metropolitana de Belém, Marajó Oriental, Baixo Tocantins e Região do Araguaia.  Desta forma, os municípios que estão inseridos nessas regiões podem retomar suas atividades públicas e privadas essenciais, respeitando as regras e protocolos estabelecidos.

 

A região do Carajás e o Lago de Tucuruí que também integram a AMATCarajás, conforme o projeto Retomapará, neste primeiro momento, estão fora da reabertura, uma vez que apresentam risco alto com elevada taxa  de transmissão do vírus e baixa capacidade de respostas do sistema de saúde. A região do baixo Amazonas, Tapajós, Marajó Ocidental e o Nordeste também estão de fora.

 

 As ações de isolamento e de retomada serão moduladas para assegurar o atendimento à população e a garantia de controle da contaminação.

Segundo o governador, a decisão para a reabertura gradual foi pautada em três pilares: economia, saúde e protocolos. Na saúde, foram avaliadas a evolução da doença, como o crescimento dos casos e impacto em grupos de riscos. Também foi levada em conta a capacidade do sistema de saúde, com disponibilidade de leitos e testagem e monitoramento da transmissão da covid-19. Foram considerados ainda protocolos e vulnerabilidade econômica, engajamento do cidadão e abordagem regional, definindo por regiões as medidas de retomada. 

Portaria que regulamenta o Projeto RetomaPará e apresentação do Projeto 

 

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon

BELÉM

 

End.: Av. Conselheiro Furtado, 1440. Bairro Batista Campos.

CEP: 66.035-350 – Belém / PA

Fone: (91) 4006-2350 / (91) 4006-2351

Email: amatcarajas@amatcarajas.org.br

MARABÁ

 

End.: Av. VP8 – Folha 26 – Quadra 14 – Lote 01 - Edifício Amazon Center Sala 605/606 – 6º andar.

CEP: 68.504-120 – Nova Marabá

Fone: (94) 3322-1957

Email: maraba@amatcarajas.org.br

BRASÍLIA

 

End.: Setor Rádio TV Sul

Edifício: Centro Empresarial Brasília
Bloco B, Sala 425
CEP: 70.340-907 / Brasília - DF
Fones: (61) 3225-0461/ (61) 3226-1121
E-mail: brasilia@amatcarajas.org.br

Desenvolvido por Levant Consultoria de Marketing

www.levantmkt.com